O deputado federal Emerson Petriv (PROS), popularmente conhecido como Boca Aberta, foi covardemente agredido com um soco no rosto pelo vereador Amauri Cardoso (PSDB) após desentendimento durante a Conferência Municipal de Saúde realizada em Londrina.

O deputado Boca Aberta foi socorrido pelo Siate (Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência) e encaminhado, com o nariz quebrado, ao Hospital do Coração. O hospital informou que o político apresenta trauma de face e permanecerá internado.

Os desentendimentos entre Boca Aberta e Amauri Cardoso vem de longe, desde que Boca Aberta denunciou corrupção na Câmara Municipal de Londrina anos atrás.

Boca Aberta tem esse apelido porque não se cala diante das injustiças e dos desmandos das autoridades. Defensor dos direitos da população, conseguiu se eleger deputado federal e elegeu o filho – Boca Aberta Junior – deputado estadual nas últimas eleições.

Após a agressão covarde o vereador Amauri Cardoso fugiu do local para não ser preso, mas pode ser detido a qualquer momento. O Supremo Tribunal Federal entende como crime contra honra agressão a autoridades federais. A pena é de 1 a 4 anos de reclusão, conforme a lei 7.170 de dezembro de 1983.