A desistência de vários candidatos a prefeito de Curitiba nestas eleições tem a ver com a aprovação recorde da gestão do prefeito Rafael Greca.

Em 2019 a aprovação do prefeito Rafael Greca somava 58% de aprovação, mas em 2020 chegou a 71,3%, onde os entrevistados afirmaram aprovar a gestão municipal. A desaprovação foi de 25,1%, e 3,6% disseram não saber ou preferiram não responder.

No total foram 800 entrevistados, acima de 16 anos, entre 30 de agosto e 3 de setembro. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o nº PR-04183/2020. O índice de confiança é de 95% e a margem de erro de 3,5% para mais ou para menos.

Com esses índices de aprovação do prefeito Rafael Greca o próprio governador Ratinho Junior foi obrigado a abrir mão de seu candidato Ney Leprevost.