A Alameda Dr. Carlos de Carvalho e o seu prolongamento pela Rua Cândido Lopes, no trecho entre a Rua Visconde de Nácar e a Praça Tiradentes, no Centro, vão ganhar novas calçadas, paisagismo e iluminação, como parte da segunda fase do projeto Rosto da Cidade.

A medida para a melhoria da acessibilidade e de requalificação deste importante eixo viário foi anunciada pelo prefeito Rafael Greca, nesta quinta-feira (16/5), em reunião no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), com moradores e comerciantes da região e o vereador Serginho do Posto.

“Vamos incluir este projeto na programação da segunda fase do Rosto da Cidade. A intenção é cumprir os procedimentos licitatórios e ter condições de fazer a obra no ano que vem”, disse Greca.

No encontro, o vereador entregou ao prefeito um abaixo-assinado subscrito por 170 representantes da comunidade local com o pedido de que o processo de revitalização de vias públicas, já implantado na Carlos de Carvalho na região do Batel, seja estendido ao restante da via no Centro. O documento leva a assinatura de moradores, comerciantes e empresários da região e destaca que a medida visa a garantir mais segurança e melhores condições de deslocamento aos pedestres.

Técnicos do Ippuc apresentaram o anteprojeto proposto para o eixo, que deverá contar também com o estudo de um novo pavimento mais resistente e adequado aos critérios de acessibilidade exigidos pela norma ABNT 90/50 2015. Dentro das etapas legais prévias à implantação são necessárias as licitações do projeto executivo e posteriormente da obra.

Dalva Menarim, síndica do edifício Brasilino Moura, situado na esquina das ruas Cândido de Lopes e Ébano Pereira, destacou a revitalização das calçadas como uma demanda antiga dos moradores. “Faz tempo que necessitamos de segurança e trânsito livre nas calçadas. É muito importante poder ter esta abertura e participar de uma reunião apresentando as demandas do dia a dia.”

Moradia e comércio

De acordo com o vereador Serginho do Posto, o prefeito se antecipou ao apresentar o pré-projeto para atender à demanda dos moradores e comerciantes da região. “É uma ação importante para melhorar a condição dos moradores de edifícios já tradicionais daquela região da cidade e de empreendedores locais. A requalificação irá dar mais segurança atrair novos investimentos.”

Marco Busnardo, morador da Alameda Cabral, nas proximidades da futura intervenção, agradeceu ao prefeito pela inciativa. “Quero agradecer o seu olhar pelo Centro. Ficamos muito tempo abandonados. Somos todos moradores antigos e queremos permanecer”, disse.

O empresário Antonio Emilio Garcês Diaz elogiou a evolução do Rosto da Cidade em sua primeira fase. “Agradecemos pela eliminação das pichações nas trincheiras.”

O prefeito destacou que o trabalho pela recuperação e a manutenção urbanas será continuado em sua gestão. “Gosto muito da cidade e vou continuar melhorando. Quero insistir mais na iluminação pública e na eliminação da pichação. Também com a Muralha Digital vamos fazer um grande sistema de vigilância para melhorar a segurança na cidade”, disse Greca.

Participaram da reunião, Merin Cristeen Aparecida da Silva, gerente-geral das Lojas Americanas da Ébano Pereira, Rafael Fusco, do restaurante A Ostra Bêbada, Diógenes Fagundes, lojista da região, e Edson Antunes, morador e síndico de um dos prédios do entorno.

Por parte do município estiveram presentes o presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur, acompanhado da equipe técnica e representantes do gabinete do prefeito.