A Polícia Federal cumpre na manhã desta terça mandados de busca e apreensão em endereços em Pernambuco ligados ao deputado federal Luciano Bivar, presidente do PSL, em investigação sobre o esquema das candidaturas de laranjas; casa dele é um dos alvos

247 – A Polícia Federal cumpre na manhã desta terça-feira (15) mandados de busca e apreensão em endereços em Pernambuco ligados ao deputado federal Luciano Bivar, presidente do PSL, partido de Jair Blsonaro, em investigação sobre o esquema das candidaturas de laranjas, informam Camila Mattoso e Ranier Bragon da Folha de S.PauloUm dos alvos é a casa do presidente do PSL em Recife.

Ao todo, nove mandados foram autorizados pelo Pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) para a Operação Guinhol, atendendo a um pedido do Ministério Público Eleitoral. As buscas se relacionam a investigações do escândalo do laranjal do PSL, partido de Jair Bolsonaro.

A operação desta manhã insere-se no contexto da guerra aberta entre Bolsonaro e Bivar pelo controle do PSL e por fundos partidários estimados em R$ 350 milhóes em 2020. De um lado está Bivar e a máquina partidária; de outro, o clã Bolsonaro, que conta com o apoio de Sérgio Moro, que colocou sua Polícia Federal em movimento.