Em seu comentário nesta terça-feira na rádio CBN, o jornalista Luiz Geraldo Mazza criticou o “pessoal sindicalista” e “principalmente os da APP-Sindicato” por sinalizarem a convocação de uma greve contra o reajuste de 1% e o descongelamento da data-base dos servidores estaduais.

Segundo Mazza, a APP-Sindicato age visivelmente, o tempo todo, de forma politica.”Querem dar uma expressão politica a um partido, a uma legenda que está secando, que tende até a desaparecer do mapa”, disse.
“De repente vem aquela coisa horrorosa, chatérrima da tal greve. Ameaçar greve, greve por causa de 1%. Isso ai não existe na cabeça de ninguém. Já imaginou uma greve por 1%? Uma greve por 2%?”, completou.