Unidade de defesa antiaérea do LNA abateu uma aeronave de combate L-39 Albatros do GNA.

Durante a ação, os dois pilotos da aeronave teriam morrido após malsucedida tentativa de se ejetarem da aeronave.

Para provar o abate da aeronave, membros do Exército Nacional Líbio (LNA, na sigla em inglês) filmaram o que seria o paraquedas de um dos pilotos e destroços do avião.

aeronave L-39 Albatros, de origem tchecoslovaca, seria a última deste tipo em poder do Governo do Acordo Nacional (GNA, na sigla em inglês), publicou o portal Russkoe Oruzhie.

A Líbia recebeu aeronaves L-39 Albatros ainda nas décadas de 70 e 80.

Desde o início do conflito civil na Líbia em 2011, as forças adversárias acabaram por tomar posse dessas aeronaves.

O marechal Khalifa Haftar comanda os esforços do Exército Nacional Líbio (LNA) para libertar o país da presença de grupos terroristas como Al Qaeda, Daesch e Irmandade Muçulmana, aliados do atual governo fantoche do GNA.

Conflito na Líbia

Atualmente, a Líbia vive fortes tensões enquanto seu território está divido entre duas principais forças: o Exército Nacional Líbio (LNA), comandado pelo marechal Khalifa Haftar, e o governo fantoche GNA, com sede em Trípoli e reconhecido pela ONU.

Apesar do reconhecimento, o GNA detém controle somente na capital, enquanto o LNA tem suas forças por todas as regiões do país e concentra tropas às portas de Trípoli para consolidar sua liderança, unir e unificar o país.

 

NR – Redação com informe Sputnik