A CNT/MDA acaba de divulgar uma nova rodada de suas pesquisas. A última havia sido divulgada em maio. O ex-presidente Lula subiu 5 pontos e está a apenas 1 ponto da vitória no primeiro turno. A CNT não divulgou sondagens com Haddad no lugar de Lula.

Lula também subiu na pesquisa espontânea, onde lidera com 20,7% (contra 18,6% em maio). Bolsonaro aparece em segundo com 15,1%. Alckmin vem em terceiro com 1,7% e Ciro Gomes em quarto com 1,5%.

A pesquisa também perguntou se os eleitores de Lula migrariam para outro candidato caso ele não seja eleito. Neste caso, 17% dos eleitores de Lula disseram que votariam em Haddad, 12% em Marina Silva e 9% em Ciro Gomes. 31% dos eleitores do ex-presidente afirmaram que votarão nulo e 16% não sabem ou não responderam.

Segundo Turno

Nas simulações de segundo turno Lula subiu contra todos os candidatos. Aumentou de 20 para 24 pontos a diferença contra Bolsonaro (50,1% a 26,4%) e de 25 para 29 pontos a diferença para Ackmin (49,5% a 20,4%). Lula também vence contra Marina Silva (49,8% a 18,8%, uma diferença 8 pontos maior que em maio) e contra Ciro Gomes (49,4% a 18,5%).

Rejeição

Lula é o candidato com menor rejeição entre os 5 primeiros (41,9%). Sua rejeição caiu 5 pontos em comparação com a sondagem anterior. Ele é também o único candidato cujo potencial de voto é maior que a rejeição. Já Bolsonaro oscilou um ponto para cima

Comparando apenas quem conhece cada candidato a diferença entre os números de Lula e dos outros candidatos fica ainda mais evidente:

Plantão Brasil