Manifestação com milhares de pessoas percorreu centro de Curitiba – Giorgia Prates

Brasil de Fato – Paraná

Mais de 800 automóveis e 100 bicicletas percorrem ruas de Curitiba em protesto, que ocorreu em outras cidades do Paraná

No sábado, 23 de janeiro, ocorreu em Curitiba o maior ato “Fora Bolsonaro” no Estado desde a posse do presidente. Mais de 800 automóveis e 100 bicicletas percorreram as ruas da cidade no protesto por conta da situação que o país atravessa, sendo um dos recordistas mundiais de mortes na pandemia, com vacinação atrasada, desemprego, aumento da pobreza e da fome.

Convocado pelas Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo e diversas outras entidades e partidos, as manifestações ocorreram com o devido distanciamento social e medidas de segurança por todo o Brasil. Segundo levantamento do Brasil de Fato, pelo menos 15 estados e centenas de cidades tiveram atos.

“Carreata, bicicletaço, com todas as medidas protocolares, mas não há jeito, teremos que fazer essa mobilização”, disse a trabalhadora da saúde e dirigente sindical, Olga Stefânia, em entrevista ao “BDF Paraná Direto da Redação”, realizada nesta sexta (22). A coordenadora do Sindisaúde-PR afirma que, sem pressão popular, a vacina não será democratizada para toda a população no Estado.

Mais manifestações ocorreram em outras cidades do Paraná, como Lapa e Maringá. Quando chegarem novas informações, esta relação será atualizada.

Cidades em que havia previsão de atos “Fora Bolsonaro” no Paraná:

– Guarapuava
– Umuarama
– Londrina
– Pinhais
– União da Vitória
– Tibagi
– Telêmaco Borba

Edição: Frédi Vasconcelos


<iframe width=”632″ height=”350″ src=”https://www.youtube.com/embed/X6j38XUDVXU” frameborder=”0″ allow=”accelerometer; autoplay; clipboard-write; encrypted-media; gyroscope; picture-in-picture” allowfullscreen></iframe>